Ver Galeria

Ignea – Minas

Pyrostegia ignea (Vell.) Presl.

Nome Popular: Cipó-de-são-joão

Família Botânica: Bignoniaceae

Qualidades Resumidas: Para as situações críticas de escolha pessoal entre “valores internos” e “segurança externa”. Para as personalidades apegadas ao luxo, à ostentação, à ilusão das formas, às convenções, aos ornamentos e adornos materiais, em detrimento dos valores espirituais.

Para aqueles vaidosos, com forte autoidentificação física, desconectados dos princípios morais e superiores. Ignea ajuda “queimar” a ilusão material, trazendo harmonia na manifestação dos vários corpos da pessoa. A essência deve ser empregada quando um equilíbrio entre espiritualidade e aparência se faz necessário no plano consciente. Útil no alinhamento mútuo entre os corpos físico, psíquico e espiritual. Trata-se de uma essência importante quando há rejeição da vida terrena, do próprio corpo físico e dos aspectos mais densos da manifestação. Ignea aquece a “chama da alma”, despertando e intensificando a vontade espiritual de crescimento na Terra.

Ela catalisa mudanças agudas, através da sublimação e purificação dos conceitos adquiridos ou impostos pela sociedade ou pela família, os quais poderiam estar adulterando o livre desabrochar da alma. A essência equilibra espiritualidade e manifestação terrena, sendo especialmente útil nos momentos de conflito ou provação, onde tais conceitos são colocados à prova. Ignea representa o “fogo sagrado de uma lareira” que reúne em torno de si a família dos homens, aquecendo seus corações com a chama amorosa do Divino Espírito Santo.